Pai que deve pensão pode ficar com nome sujo no comércio, decide STJ


Trecho da morte é palco de mais um acidente em Ourinhos enquanto os deputados...


Remédio contra alcoolismo poderia eliminar vírus da aids, aponta estudo


Pesquisadores da Fosfoetanolamina podem ser a inspiração para um novo Brasil – vídeos


Defensor público diz que produção de Fosfoetanolamina na USP pode ser quadruplicada


Rio Grande do Sul vai produzir e distribuir a Fosfoetanolamina Sintética, revela deputado Marlon Santos


Vereadores traíram o povo e após sucesso do 1º churrasco em frente a Câmara, manifestantes prometem outro para a próxima semana


Irmão de candidato a presidente da OAB/SP é processado por fraude no Exame da Ordem


PM’s surpreendem adolescentes no tráfico na Vila Musa em Ourinhos


Resgate Histórico Vagão histórico é integrado à nova sede da Biblioteca Municipal Tristão de Athayde


Equipe de karatê da SEMESPOR encerra as competições de 2015 com 8 medalhas de ouro


Escolas da Rede Municipal recebem exposição das produções artísticas do Projeto “Um Olhar Atento à Nossa Herança Africana”


PM's recuperam veículo furtado de Santo Antonio da Platina e prendem autor do furto em Ourinhos


PM's de Ourinhos em patrulha prendem autor de furto de TV em flagrante na Vila Moraes


Prefeita Belkis recebeu o atleta Bruno, campeão sulamericano de Atletismo


Vereadores traíram o povo e após sucesso do 1º churrasco em frente a Câmara, manifestantes prometem outro para a próxima semana


Irmão de candidato a presidente da OAB/SP é processado por fraude no Exame da Ordem


CABELEIREIROS CONTRA AIDS


Associação Comercial agradece parceria das lojas participantes da campanha Desejos de Natal


Comércio estende prazo para quitação de dívidas com desconto


Comércio de Ourinhos se prepara para o Black Friday


PM’s de Ourinhos em patrulha recuperam veículo furtado e prendem receptador no Jardim Eldorado


Vereadores traíram o povo e após sucesso do 1º churrasco em frente a Câmara, manifestantes prometem outro para a próxima semana



Vereadores traíram o povo e após sucesso do 1º churrasco em frente a Câmara, manifestantes prometem outro para a próxima semana




Nada de reduzir salários. O povo que compareceu ao Legislativo esperando uma atitude nobre dos vereadores ficou decepcionado, mas pôde curtir um saboroso churrasco. A sessão durou 29 minutos e custou aproximadamente 4 mil reais por cada vereador, totalizando 48 mil reais mais as despesas com a própria Câmara Municipal.       Isso é Ourinhos!!





Está confirmado, os vereadores quebraram a promessa e não apresentaram nenhuma proposta oficial para redução de seus salários nesta segunda-feira (16). Em mais uma sessão relâmpago, que levou menos de 1 hora, os parlamentares ourinhenses viraram novamente as costas para população, traindo seus eleitores que acreditavam serem os melhores, o que decepcionou.
No dia 13 de outubro, após reunião entre os edis e membros da maçonaria, foi informado que os vereadores haviam prometido apresentar em 30 dias uma proposta de redução salarial que atendesse, pelo menos em parte, as reivindicações do movimento popular "Por uma Ourinhos Melhor".




Vereadores não respeitaram nem o combinado com a Maçonaria, terminaram com a sessão em 29 minutos, levando em média 4 mil reais cada um apenas por isso.
Mas quem compareceu ao Legislativo esperando uma atitude nobre de seus representantes não ficou totalmente na mão, um grupo de voluntários promoveu gratuitamente um grande churrasco em frente a Câmara Municipal e a população prestigiou. A churrasqueira "Marinete" deu conta do recado. Ao todo foram consumidos 2.500 pães, 100 kg de linguiça, 150 kg de carne e 400 litros de refrigerante.

Com o sucesso do evento, já foi anunciado que na próxima segunda-feira, 23 de novembro, haverá outro churrasco. "Já temos 150 kg de carne para a próxima semana, se não der a gente cobre o que faltar. Quero o povo feliz", garantiu um grande empresário que preferiu não ter o seu nome citado.





A Câmara Municipal
Atualmente o salário de um vereador em Ourinhos é de R$ 7.577 mil, maior que em muitas cidades da região. O presidente do Legislativo daqui ganha um pouco mais, R$ 8.142 mil. Além disso, fora os outros cargos de confiança que existem na Câmara Municipal, nos quais nem é exigido um mínimo de escolaridade, bastando saber ler e escrever, cada um dos 11 parlamentares nomeou o seu assessor com um salário atualmente de R$ 5.139 mil. No próximo mandato, 2017-2020, a conta deverá ser ainda maior, caso a lei complementar votada em 2014 que aumentou de 11 para 15 cadeiras no legislativo não seja revogada.





O movimento popular
As principais reivindicações do movimento popular "Por uma Ourinhos Melhor" são a redução de salários dos vereadores para no máximo R$ 1.500 mil, a extinção do cargo de assessor parlamentar e a redução de 15 para 11 cadeiras para o próximo mandato, 2017-2020. Seguidos desmandos da classe política motivaram munícipes a iniciarem um protesto para moralização da política local, cujo slogan e principal reivindicação tem se espalhado por toda a cidade e está na boca do povo:

"VEREADOR, QUE TAL GANHAR UM SALÁRIO DE TRABALHADOR?"


Como os vereadores não se mexeram, ignorando a população presente na sessão, inclusive a Maçonaria, que virou às costas aos parlamentares, a população promete continuar com a pacífica manifestação.

Misturinha que tira cheiro de tudo e dica infalível para perfumar o banheiro; confira