EM DEFESA DOS ANIMAIS



EM DEFESA DOS ANIMAIS



Prefeito Lucas Pocay avança na viabilização de recursos para construção de Hospital Veterinário

A construção do Hospital Veterinário em Ourinhos é uma luta antiga da população e do veterinário Renato Saliba 


Na semana passada, durante visita à Câmara dos Deputados, em Brasília, o Prefeito Lucas Pocay deu um passo importante para a construção do Hospital Veterinário em Ourinhos. Ele esteve reunido com o deputado Ricardo Trípoli e a viabilização de recursos financeiros para a obra ficou mais próxima de ser concretizada. 

O Hospital Veterinário Municipal é uma antiga reivindicação da população ourinhense e do veterinário Renato Saliba, sendo do agrado do prefeito Lucas Pocay.

O deputado Ricardo Trípoli é um dos maiores defensores dos direitos dos animais no Brasil. Ele já esteve conosco em Ourinhos em diversas ocasiões. Nos ajudou a promover duas campanhas contra a cinomose (doença que acomete cães não vacinados). Trípoli também fez uma palestra em Ourinhos sobre bem estar animal e direito dos animais, os ourinhenses estão confiantes no trabalho que o prefeito Lucas Pocay vem desenvolvendo e com certeza a liberação da verba de R$ 600 mil destinada pelo Trípoli para a construção do Hospital se soma as diversas conquistas da nova administração em prol da cidade e agora dos animais.

São Paulo foi um dos primeiros municípios a oferecer um hospital veterinário gratuito com consultas, cirurgias, exames laboratoriais e internação para cães e gatos. O serviço foi inaugurado em 2012. É possível realizar consultas gerais e de especialidades, como ortopedia, oncologia, dermatologia, endocrinologia, clínica veterinária e cirurgia de tecidos moles. O serviço é voltado para animais cujos donos estejam inscritos em programas sociais ou que tenham baixa renda. 

BANCO DE RAÇÃO

A administração Lucas Pocay vem criando uma série de ações em defesa dos animais. No final do mês de janeiro, a Câmara aprovou o projeto de lei de autoria do prefeito criando o Banco de Ração do Município. O programa consiste em captar doações de rações para alimentar animais pertencentes às famílias sem condições financeiras de adquirir o produto ou que estão sob os cuidados de uma ONG. As entidades ou famílias beneficiadas serão cadastradas. Os critérios de coleta e distribuição, assim como o local de funcionamento do banco de Ração ainda serão definidos.
A ideia é estimular consumidores, lojas de ração ou fabricantes do produto a doarem o alimento antes da data do vencimento.
O Banco de Ração será responsável pela coleta dos alimentos doados, bem como seu armazenamento e distribuição para entidades e famílias cadastradas. O programa também está autorizado a receber doações de móveis, roupas, remédios, coleiras, guias, entre outros utensílios que serão destinados aos animais.

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.