GIRO UOL 07/02/2017



GIRO  UOL
07/02/2017

Crise de segurança no ES
 
Gabriel Lordello/Agência O Globo
Caminhões do Exército já podiam ser vistos circulando na noite de ontem em Vitória. Os militares assumiram o policiamento no Espírito Santo, onde um movimento de familiares de policiais militares impede que as viaturas saiam dos batalhões. Eles pedem melhores salários para os PMs, que são proibidos pela Constituição de entrar em greve.

Os ônibus de transporte urbano não circularão ao menos na parte da manhã de hoje na Grande Vitória. O serviço já não funciona desde as 16h da segunda. 
De olho neles
 
Antonio Cruz/Agência Brasil
O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu ao STF a abertura de inquérito para investigar os senadores Romero Jucá (PMDB-RR) e Renan Calheiros (PMDB-AL) e o ex-presidente da República José Sarney (PMDB-AP).

O pedido tem como base a delação premiada do ex-diretor da Transpetro, Sérgio Machado.
Desdobramentos da indicação
 
André Dusek/Estadão Conteúdo
Com a indicação do ministro Alexandre de Moraes para o Supremo Tribunal Federal, PMDB e PSDB disputam o cargo vago no comando do Ministério da Justiça. O presidente Michel Temer ainda não tomou uma decisão.

Além disso, a escolha de Moraes também aprofunda a divisão entre os grupos que comandam o PSDB. Ele era o nome do governador Geraldo Alckmin (PSDB-SP) na gestão Temer. Alckmin agora defende uma distância maior do poder central. Já Aécio Neves e José Serra caminham na direção contrária. 
Foi ela?
 
Pedro Ladeira/Folhapress
A defesa do presidente Michel Temer informou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que a conta de campanha do então candidato à vice na chapa encabeçada por Dilma Rousseff (PT) não foi responsável pelo pagamento das três gráficas que estão na mira da Corte Eleitoral.

Em uma tentativa de se desvencilhar de supostas irregularidades encontradas nas empresas, a defesa do peemedebista afirmou ao TSE que foi a conta da campanha de Dilma que contratou o serviço dessas gráficas. 
Futuro dos imigrantes
 
Pablo Martinez Monsivais/ AP
O Tribunal de Apelações programou para hoje uma audiência que determinará o futuro imediato do veto de imigração assinado pelo presidente dos EUA Donald Trump. A decisão de Trump foi bloqueada provisoriamente por um juiz.

Os advogados do governo apresentaram ontem os argumentos ao tribunal que decidirá se restaura ou não o veto aos cidadãos de sete países de maioria muçulmana e aos refugiados.
Novas eleições
 
Alan Marques/Folhapress
Quatro municípios paranaenses vão passar por novas eleições para escolher prefeitos. A data prevista é dia 02 de abril.

Eleitores de Foz do Iguaçu, Novas Laranjeiras, Piraí do Sul e Quatiguá devem voltar às urnas. Outros 16 municípios ainda estão com a situação em análise pelo tribunal e não têm data para o novo pleito. 
Menos investimento no Fies
 
Alan Marques - 16.jun.2016/Folhapress
O ministro da Educação, Mendonça Filho, anunciou uma redução de 29% nos investimentos do Fundo de Financiamento Estudantil, mais conhecido como Fies.

Segundo ele, o MEC vai diminuir o teto global de financiamento por curso de R$ 42 mil para R$ 30 mil por semestre. Com isso, cada aluno poderá receber no máximo R$ 5.000 por mês. 
Dias de rock
 
Marco Antonio Teixeira/UOL
O Rock in Rio anunciou quatro atrações nesta segunda-feira (6). Depois de Lady Gaga, Fergie, Ivete Sangalo e a banda 5 Seconds of Summer foram confirmadas no festival. Aerosmith, Maroon 5, Red Hot Chili Peppers, Billy Idol e Bon Jovi já tinham sido anunciados.

Os ingressos para o festival começarão a ser vendidos no dia 6 de abril pelo site ingresso.com. O Rock in Rio 2017 acontece nos dias 15, 16, 17, 21, 22, 23 e 24 de setembro.

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.