Doutoranda da Unesp realiza estudo sobre a planta pata-de-vaca



Doutoranda da Unesp realiza estudo sobre a planta pata-de-vaca
Pesquisa teve parceria da EMBRAPA
Paola Vantini - Estagiária Assessoria de Imprensa FCAV/Unesp
29/03/2017
Bauhinia forficata

A doutoranda Henriette Moranza, aluna do Programa de Pós-graduação em Zootecnia da Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV) da Unesp, Câmpus Jaboticabal, orientada pelo professor Guilherme Ferraz, do Laboratório de Farmacologia e Fisiologia do Exercício Equino (LAFEQ), DMFA/FCAV/Unesp desenvolveu estudo sobre biodiversidade e levantamento de espécies de plantas medicinais com potencial farmacológico na Mata Atlântica. 
Para que a pesquisa pudesse ser realizada, no ano de 2011, o grupo de pesquisa da FCAV procurou a EMBRAPA Meio Ambiente (Jaguariúna) para formar uma parceria. 
O estudo foi realizado numa fazenda, na cidade de Ubatuba, São Paulo com a espécie arbórea da Mata Atlântica, Bauhinia forficata, mais conhecida como pata-de-vaca, da família das Fabaceae. 
Segundo Henriette, essa espécie é bem comum em plantações urbanas, sendo utilizada pela população, com a intenção de tratar a diabetes tipo 2 e como calmante na região da Caatinga do Brasil. Este último "efeito" descrito pela população foi o principal interesse da pesquisa realizada. 
O resultado deste estudo foi publicado na Revista Científica Plant, v.5, n.1-5, p.27-32, 2017. "Tais resultados nos permitiram concluir que a Bauhinia forficata reduziu a atividade exploratória e não alterou a glicemia em ratos saudáveis. Este achado foi relevante, já que a população utiliza comumente o chá de pata-de-vaca como forma de prevenção ao diabetes. Sendo assim, pudemos mostrar que, possivelmente, em indivíduos saudáveis esta utilização pode ser dispensável. Podemos inferir, a partir dos resultados obtidos nos testes comportamentais, que tal espécie possui também efeitos calmantes, depressores do Sistema Nervoso Central", disse a doutoranda. 

Para mais informações acessar o link abaixo, que contém uma matéria que a EMBRAPA, parceira nesse projeto realizou sobre a pesquisa. https://www.embrapa.br/busca-de-noticias/-/noticia/21408128/equipe-analisa-especies-arboreas-brasileiras.

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.