Família envolvida em ocultação de feto é presa no Paraná



27/03/2017 
INVESTIGAÇÃO

Família envolvida em ocultação de feto é presa no Paraná

Resultado de imagem para ocultação de feto

Três pessoas da mesma família (pai, mãe e filho) foram presos em flagrante na quinta-feira (23), pelo crime de ocultação de cadáver, na Zona Rural do município de Palotina. O caso está com a delegacia local que investigará também a participação de cada um no crime de aborto e de abuso sexual, contra uma menina de 14 anos, filha do casal preso.
 

A Polícia chegou até os suspeitos através de uma denúncia de um parto caseiro envolvendo uma menor, ocorrido sem nenhum tipo de assistência médica. "Iniciamos uma série de diligências envolvendo hospitais e cartórios locais, porém não havia nenhum registro do fato", falou o delegado responsável pelo caso, Aldair da Silva Oliveira.

O pai de 44 anos, a mãe de 46 e o filho de 20 anos foram ouvidos na delegacia. A mãe nega qualquer envolvimento, o pai afirmou que tinha conhecimento e o filho admitiu que teve um romance com a irmã menor e levou a Polícia até o local onde enterrou o feto. A vítima está sob os cuidados do Conselho Tutelar do município.

"O principal suspeito – o filho – alegou que enterrou o feto, de aproximadamente 8 meses a fim de esconder o crime contra a irmã. Agora vamos apurar a participação de cada um tanto no abuso sexual da menor quanto no aborto, para que o inquérito policial seja concluído e entregue a Justiça" falou a autoridade policial.

O feto foi encontrado já em estado de decomposição nas proximidades da residência da família. O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para recolher o corpo.

A Polícia Civil aguarda o resultado da coleta de possíveis material genético colhidos no local do sepultamento caseiro para se determinar a paternidade, sexo e causa da morte para direcionamento das investigações no sentido de aborto ou homicídio. O trio permanece preso até que as investigações sejam concluídas.
Redação Bonde com Polícia Civil

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.