Meio Ambiente cede espaço no Parque Olavo Ferreira de Sá para realização de curso de artesanato em taboa



Meio Ambiente cede espaço no Parque Olavo Ferreira de Sá para realização de curso de artesanato em taboa


A Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico Sustentável cedeu o Espaço de Educação Ambiental localizado no Parque de Exposição Olavo Ferreira de Sá (recinto da FAPI) para realização do curso de Artesanato em taboa que ocorreu entre os dias 14 e 17 de março.
As aulas foram promovidas através da parceria entre o SENAR (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural), Sindicato Rural e Prefeitura de Ourinhos.
Foram 20 vagas oferecidas para pessoas a partir de 16 anos. O curso teve nove horas de duração. Quem comandou a turma foi o professor Donizetti Pinto Ribeiro.
Chapéus, bolsas, esteiras, chinelos e assentos de cadeira são alguns dos artigos produzidos por meio da taboa. Ribeiro explica que o artesanato utilizando a taboa - planta encontrada em brejos, rios e açudes de várias partes do Brasil - é ecologicamente correto devido ao controle da vegetação, além de ser uma possibilidade de geração de renda.

"O curso demonstra como utilizar a planta por meio da técnica de retirada de folhas, secagem, utilização e preparação das fibras e de trançados", explica.

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.