Com medo da violência, moradores fecham bairro inteiro com cancelas



Com medo da violência, moradores fecham bairro inteiro com cancelas

Quem chega de carro na Vila Kosmos, na Zona Norte do Rio de Janeiro, tem que parar em uma das cancelas, abaixar o vidro, identificar-se e dizer o que está indo fazer lá. Tudo certo se Vila Kosmos fosse um condomínio. Mas não é. É um bairro. Cansados com a escalada da violência, os moradores se mobilizaram e conseguiram autorização da prefeitura para fechar uma área equivalente a 18 campos de futebol com quatro cancelas eletrônicas, guaritas e câmeras de segurança.
“Os moradores resolveram se unir porque a situação de violência estava insustentável”, disse um dos moradores, o taxista Alessandro Molinaro, ao jornal Extra. “Todos conhecemos alguém que já foi assaltado ou teve a casa roubada. Estava muito perigoso. Agora, o fluxo de pessoas diminuiu muito. Para a gente, está bem melhor assim.”
Especialistas criticaram a anuência da prefeitura a essa iniciativa dos moradores. “Moradores querendo fechar bairro não me espanta. O que me espanta é o poder público autorizar”, disse a cientista social Silvia Ramos ao jornal. “É cair no conto de que um muro vai trazer proteção. (…) Essa é uma conversa muito convincente, que têm muitos adeptos. Só que cabe ao poder público, que controla o que pode e o que não pode, justamente impedir isso. Senão a cidade vai acabar sendo toda loteada segundo o interesse dos moradores. Isso abre um precedente muito assustador.”
O Surrealista

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.