Bispo evangélico é preso em Paulínia suspeito de estupro de vulnerável



Bispo evangélico é preso em Paulínia suspeito de estupro de vulnerável
Por G1 Campinas e região

De acordo com a Polícia Civil, Reinaldo Silvério costumava ficar amigo das famílias para ganhar a confiança das vítimas; advogada diz que religioso nega o crime.

O bispo evangélico Reinaldo Silvério foi preso preventivamente nesta terça-feira (1º) em Paulínia (SP) suspeito de estupro de vulnerável. Um inquérito foi instaurado em março deste ano após denúncia da mãe de uma vítima à Polícia Civil. O religioso nega a acusação.

De acordo com a polícia, Silvério costumava ficar amigo das famílias para ganhar a confiança das vítimas. Ele é bispo da Igreja Boas Novas de Cristo e teria se relacionado com um garoto, na época menor de idade, e com uma menina de 12 anos.

A polícia acredita que o bispo possa ter feito mais vítimas. Saya Barreiro, advogada de Silvério, informa que o cliente alega inocência e que irá analisar o processo para depois detalhar a estratégia de defesa. O bispo será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória de Sorocaba (SP).


Bispo Reinaldo Silvério, preso preventivamente em Paulínia (SP) por estupro de vulnerável (Foto: Reprodução/Facebook)

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.