Acalmar Maia é prioridade de Temer para enfrentar denúncia


21-09-2017, 

Acalmar Maia é prioridade de Temer para enfrentar denúncia


Presidente deve ter encontros com deputados da CCJ da Câmara
KENNEDY ALENCAR
BRASÍLIA
O presidente Michel Temer chegou dos Estados Unidos de madrugada e já teve uma série de reuniões a fim de fazer um roteiro para a denúncia que será analisada pela Câmara dos Deputados. O objetivo é votá-la o mais rapidamente possível.
O problema imediato é acalmar o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, contrariado com o assédio do PMDB a políticos que negociavam filiação ao DEM. Temer deverá conversar pessoalmente com Maia.
O presidente deve atender a pedidos pontuais de cargos e verbas do PP, mas sem tirar ministério do PSDB. Temer busca aumentar o apoio entre tucanos. Ele também terá audiências com integrantes da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara.
Por último, o Palácio do Planalto divulgou nota para rebater acusações do delator Lúcio Funaro, afirmando que comprou imóveis de modo legal e que o doleiro estaria mentindo, como já fez no passado, de acordo com a própria Procuradoria Geral da República.*
Boa notícia
De novo, o Congresso fracassou ao tentar aprovar uma reforma política ampla. As mudanças votadas não podem ser chamadas de reforma política, mas de reforma eleitoral tímida. Ainda falta um turno de votação na Câmara e mais dois no Senado para confirmar as alterações.
Foram suavizadas a cláusula de barreira, regra para diminuir o número de partidos, e também o fim das coligações proporcionais, norma para evitar que uma legenda pegue carona na votação de outra. A Câmara votou o fim das coligações a partir de 2020. O Senado poderá confirmar ou antecipar para 2018 (esta hipótese é menos provável).
No fundo, essas pequenas mudanças são uma boa notícia diante do desastre que seria a aprovação do distritão. Havia risco de piorar o que já está ruim. Mas isso não aconteceu.
Assista aos temas do “SBT Brasil”:
Assista ao vídeo com Kennedy Alencar:   https://youtu.be/Mgxp_CkhZ3c
BLOG DO KENNEDY ALENCAR

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.