Você sabia? Peixes também se alimentam de insetos



Você sabia? 
Peixes também se alimentam de insetos


Paulistinha 

Existem algumas espécies denominadas onívoras cuja alimentação consiste basicamente em insetos (terrestres e aquáticos), vegetais (terrestres e aquáticos), e microcrustáceos. Esses peixes possuem o organismo adaptado para receber esses alimentos.
O ideal é proporcionar a essas espécies uma dieta balanceada com rações industrializadas e insetos vivos ou desidratados.
“A oferta de larvas de tenébrios vivas pelo menos três vezes na semana enriquece a alimentação e resgata o instinto de caça dos animais já que elas têm alto teor de proteína, ácidos graxos e minerais de alta digestibilidade” explica o engenheiro agrícola e proprietário da Safari Insetos, Eduardo Matos.
Entre as espécies de onívoros podemos citar o Paulistinha ou zebra, Kinguio ou Japonês, Peixe Mexerica, Tetra Negro e o Tetra Neon.
 
Kinguio 
 
Mexerica 

Tetra Negro 
 
Tetra Neon 
 
 
Sobre a Safari

Todos os insetos da Safari são produzidos em uma fazenda localizada em Piracicaba, interior de São Paulo. O “cardápio” oferecido pela Safari é composto por: grilo preto (Gryllus assimillis), tenébrio gigante Zophobas morio), tenébrio comum (Tenebrio molitor), barata cinérea (Nauphoeta cinérea) e barata blaberus (Blaberus giganteus)

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.