OSS SANTA CASA DE ASSIS ASSUME GESTÃO DO AME OURINHOS



OSS SANTA CASA DE ASSIS ASSUME GESTÃO DO AME OURINHOS



A OSS Santa Casa de Assis assumiu a gestão do Ambulatório
no dia 1º de Outubro.



Na última semana, a Organização Social de Saúde Santa Casa de Misericórdia de Assis assumiu a gestão do Ambulatório Médico de Especialidades de Ourinhos. Este é o segundo AME na região sob a gestão da OSS assisense, que venceu em agosto deste ano o chamamento público da Secretaria de Estado da Saúde, após concorrer com mais quatro OSS: Associação Thereza Perlatti de Jaú, Fundação Luiz Décourt, Fundação para o Desenvolvimento Médico Hospitalar- Famesp e Instituto Sócrates Guanaes.


A OSS Santa Casa de Misericórdia de Assis já faz a gestão do AME de Assis desde 2013. Para a Diretoria Executiva da Organização a gestão ambulatorial   eficiente, de qualidade e humanizada praticada no AME assisense foi um dos grandes motivadores na decisão do processo de gestão, considerando que para pleitear a instituição são necessários planos de gestão financeiro e de prestação de serviço. O Governo do Estado ainda estabelece na gestão dos AMEs metas quantitativas e qualitativas, as quais foram sempre cumpridas pela Santa Casa de Assis.


Ao assumir a gestão do Ambulatório Médico de Especialidades de Ourinhos a OSS manteve o quadro de funcionários que já atuavam no ambulatório, incluindo o corpo clínico, porém já iniciou a implantação do seu modelo de gestão em saúde praticado com sucesso no AME Assis, incluindo o cumprimento de 100% das metas de atendimento, estruturação de processos e desenvolvimento do potencial humano, valorização do Serviço de Atendimento ao Usuário –SAU/Ouvidoria como ferramenta de gestão e foco no paciente cominformação, respeito e humanização.

Na quarta-feira, dia 04, a provedora da OSS Profª Dra. Telma Goncalves Carneiro Spera de Andrade, a diretora de Relações Públicas e Ações Comunitárias, Ana Rosa de Souza Guiomar Girardie a gerente administrativa Andreia Camargo Souza estiveram em Ourinhos para uma visita técnica e na oportunidade conversaram com os colaboradores apresentando a OSS e o modo de gestão praticado em suas diferentes unidades, Complexo Hospitalar, Maternidade, Laboratório e AME Assis.


“A experiência adquirida na gestão do AME Assis foi a base para a iniciativa de agregar outras unidades e ampliar a atuação da instituição como Organização Social de Saúde. Pretendemos levar nossa qualidade de atendimento e de gestão para o Ambulatório de Ourinhos, promovendo à população a continuidade e melhoria dos serviços de saúde”.

Segundo a provedora Telma, a OSS acredita no potencial e dedicação dos colaboradores e médicos, que atrelados ao modelo de gestão da OSS Santa Casa de Assis promoverão a comunidade atendida pelo AME Ourinhos um ganho muito grande em serviço de saúde, qualidade e humanização. Para este grande desafio de gerenciar um segundo AME, sendo o primeiro AME Mais, Telma conta com o esforço dos colaboradores, convidando-os a se unirem a OSS, mostrando que juntos são mais fortes.

Histórico 
O despacho do Secretário de Saúde do Estado, declarando a Organização Hospitalar Assisense vencedora do Chamamento Público para gestão do Ambulatório Médico de Especialidades – AME Ourinhos foi publicado no Diário Oficial em 22 de agosto deste ano. Para a transição de gestão a Secretaria compôs uma Comissão com profissionais indicados pela Organização gestora anterior e pela OSS Santa Casa de Assis.

O AME Ourinhos foi inaugurado no mesmo ano e dia que o AME Assis, 08 de junho de 2013, hoje é referência para 13 Municípios (Bernardino de Campos, Canitar, Chavantes, Espírito Santo do Turvo, Ibirarema, Ipaussu, Óleo, Ourinhos, Ribeirão Do Sul, Salto Grande, Santa Cruz do Rio Pardo, São Pedro do Turvo e Timburi), atende em 21 especialidades médicas (Acupuntura, Anestesiologia, Cardiologia, Cirurgia Geral, Cirurgia Pediátrica, Cirurgia Vascular, Dermatologia, Endocrinologia, Gastroenterologia, Ginecologia, Hematologia, Mastologia, Nefrologia, Neurologia, Neurologia Infantil, Oftalmologia, Ortopedia, Otorrinolaringologia, Pneumologia, Proctologia, Reumatologia e Urologia) e 8 não médicas (Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Nutrição, Psicologia, Serviço Social e Terapia Ocupacional), beneficiando uma população regional de aproximadamente 230 mil habitantes. Em 2015 foi o segundo Ambulatório a se tornar AME Mais, com hospital –dia e realização de cirurgias de média-complexidade.


Para saber mais sobre a OSS acesse www.santacasadeassis.org.br.

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.