Justiça afasta prefeita que falou que ia desviar R$ 1 bi de obra em Porto Seguro




Justiça afasta prefeita que falou que ia desviar R$ 1 bi de obra em Porto Seguro
Julia Affonso e Fausto Macedo
07 Novembro 2017

Claudia Oliveira. Foto: Prefeitura de Porto Seguro

Claudia Oliveira (PSD), em seu segundo mandato na administração da cidade do sul da Bahia, é alvo da Operação Fraternos, da Polícia Federal, deflagrada nesta terça-feira, 7

A Justiça Federal decretou o afastamento dos prefeitos de Porto Seguro, Santa Cruz Cabrália e Eunápolis, no sul da Bahia, por suspeita de envolvimento em fraudes que podem ter levado ao desvio de R$ 200 milhões, segundo a Operação Fraternos, deflagrada nesta terça-feira, 7. Entre os afastados está a prefeita de Porto Seguro, Claudia Oliveira (PSD), que, em agosto de 2012, foi filmada em campanha avisando às gargalhadas que iria desviar R$ 1 bilhão de uma obra que prometia contratar, se eleita, para construção de uma ponte na cidade.
“Uma ponte onde serão investidos R$ 2 bilhões. Um bilhão eu fico!!”, dizia ela, caminhando por entre correlegionários. O vídeo com a ‘promessa’ de Claudia foi divulgado pelo jornal O Globo.
ESTADÃO

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.