Site da Câmara de São Paulo esconde salário de servidor



07/11/2017

Site da Câmara de São Paulo esconde salário de servidor

Folha de S.Paulo
Reunião com vereadores que integram mesa diretora da Câmara Municipal de São Paulo
A Câmara de São Paulo apagou os nomes de seus funcionários da lista com salários divulgada em sua página oficial da internet.
O Legislativo passou a divulgar, por decisão da mesa diretora, só a numeração da matrícula dos servidores ao lado dos salários, impossibilitando ligar os valores à identidade dos funcionários.
A medida da Câmara paulistana vai na contramão de órgãos públicos de outras esferas, como a própria prefeitura e governo de São Paulo, que divulgam dados detalhados.
Por outro lado, segue modelo adotado pela Assembleia Legislativa paulista -que só divulga a matrícula ao lado dos salários.
Resposta
A assessoria de imprensa da Câmara afirmou que a mudança foi decidida "após pedido do sindicato dos funcionários municipais da Casa e análise jurídica do caso".
A decisão atende à solicitação do Sindlex (sindicado dos servidores da Câmara e do Tribunal de Contas do Município).
A vice-presidente do órgão, Sônia Maria Corrêa Alves, afirmou que a reivindicação era feita desde 2013.
"A exposição do nome com o salário num Brasil onde não existe segurança para o cidadão? O que você depreende? Insegurança", afirma.
Segundo ela, vários órgãos não divulgam os nomes, mas a matrícula ou o valor relacionado à carreira -como o TCM (Tribunal de Contas do Município).

do AGORA SP

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.