Suspeito de envolvimento em mega-assalto no Paraguai é preso em Medianeira

Suspeito de envolvimento em mega-assalto no Paraguai é preso em Medianeira
Por RPC Foz do Iguaçu e G1 PR

Assalto aconteceu em abril, e o alvo foi uma transportadora de valores de Ciudad del Este.

Um dos suspeitos de envolvimento no assalto milionário da Prosegur, em abril deste ano, foi preso em Medianeira, no oeste do Paraná, na sexta-feira (29). Ele foi levado para a Penitenciária Estadual I de Foz do Iguaçu, também na região oeste. O local é de segurança máxima.

À época, segundo a Polícia Nacional do Paraguai, os criminosos usaram explosivos para arrombar o cofre da empresa, de onde levaram cerca de US$ 11,7 milhões, e trocaram tiros com vigilantes. A ação durou aproximadamente três horas e três suspeitos morreram baleados.

O homem tinha vários mandados em aberto, como homicídio qualificado, formação de quadrilha, roubo e falsificação de documento público. A polícia suspeita que ele tenha envolvimento com uma facção criminosa.

Conhecido como "Talento", Claudinei Boeira Santos era um dos criminosos mais procurados na fronteira pela polícia. A reportagem tenta localizar a defesa do suspeito.

A Prosegur é uma transportadora de valores em Ciudad del Este, no Paraguai. Em agosto, brasileiros presos no país vizinho desde junho, por suspeita de envolvimento no mega-assalto, foram expulsos do Paraguai.

As polícias brasileira e paraguaia continuam investigando o mega-assalto.

Outros dois rapazes foram detidos junto com o "Talento", mas eles foram liberados depois de serem ouvidos. Segundo a polícia, eles não têm envolvimento com nenhum crime.


Destruição causada por explosões durante roubo a transportadora de valores em Ciudad del Este, no Paraguai (Foto: Francisco Espinola/Reuters)

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.