Aulas terão horário reduzido a partir de segunda-feira (4) devido a greve dos caminhoneiros


Aulas terão horário reduzido a partir de segunda-feira (4) devido a greve dos caminhoneiros



As creches terão o horário de funcionamento mantido na próxima semana.

         A Prefeitura de Ourinhos, por meio da Secretaria de Educação, irá modificar o horário de aulas devido à paralisação dos caminhoneiros, que trouxe consequências em diversos setores. Apenas as creches terão o horário de funcionamento mantido na próxima semana. As Emeis (Escolas Municipais de Educação Infantil) e Emefs (Escola Municipal de Educação Fundamental) funcionarão em horario reduzido. A medida é temporária até sexta-feira (08/06), data que a situação deve estar regularizada.
         As crianças atendidas pelas creches terão as aulas, transporte e merenda garantidos. Já os alunos das Emeis e Emefs terão o transporte e meio período de aulas. Para o ensino infantil, as aulas no período da manhã serão das 7h30 às 9h30 e à tarde das 13h às 15h. Já para o ensino fundamental, às aulas serão das 7h às 9h30 pela manhã, 13h às 15h30, à tarde e, 19h às 21h, à noite.
         Segundo o Prefeito Lucas Pocay, esta é uma medida emergencial para continuar atendendo os 10 mil alunos da rede municipal de educação.
         “A falta de alimentos para preparar a merenda se dá pela falta de condição das empresas entregarem a quantidade necessária. E mesmo com a retomada do trabalho dos caminhoneiros, eles terão que fazer mais viagens para normalizar a situação. Afinal, há caminhões que transportavam carnes, por exemplo, e não poderão entregar o produto por ser perecível. Sendo assim, precisamos criar uma alternativa para garantir que essas crianças tenham condições de se alimentar e não perder as aulas”, explica.
         Lucas ressalta que a preocupação maior é com as crianças das creches.
“Muitos pais dependem da creche para poderem ir trabalhar tranquilos e por isso, vamos manter as aulas normalmente. Já as crianças das Emeis e Emefs terão meio período de aula e serão liberadas no intervalo, tendo o transporte garantido. Dessa forma, pretendemos atender a população até que a situação seja normalizada”, fala.

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.