Homem que roubou achocolatado envenenado que matou criança é preso



Homem que roubou achocolatado envenenado que matou criança é preso


Ele estava com um mandado de prisão em aberto quando foi detido pelos policiais
Karina Cabral
Uma equipe do Batalhão de Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam) prendeu nessa quinta-feira (17) Deuel de Rezende Soares, 29 anos. Deuel foi o homem que roubou os achocolatados envenenados de Adônis José Negri, de 61 anos, e que acabou matando uma criança de dois anos em Cuiabá.

Os policiais faziam rondas pelo Bairro CPA 01, por volta das 16 horas, quando viram Deuel correndo. A equipe o parou, revistou e perguntou porque estava correndo. Ele disse que estava sendo perseguido por dois homens e não sabia o motivo.

Os policiais checaram o nome de Deuel e constou que ele tinha um mandado de prisão em aberto. Ele foi encaminhado à Central de Flagrantes de Cuiabá e posteriormente entregue à Polinter.

Deuel é um conhecido ladrão de residências em Cuiabá. Ganhou fama nacional em agosto de 2016 quando Adônis Negri, dono de um mercado e cansado de sempre ser roubado por Deuel, envenenou alguns achocolatados, que mais uma vez foram furtados.

Ao invés de consumir o produto, o suspeito vendeu para um casal, que deu o produto ao filho de dois anos. O achocolatado tinha veneno de rato. A criança morreu pouco depois do consumo.
METRÓPOLES
Acreditando que o proprietário do mercado também deva ser acusado pelo homicídio doloso dessa criança, sendo inconcebível essa atitude ....de colocar o veneno no pretenso objeto de furto, com intenção de matar. Fica o ALERTA.

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.