MEIO AMBIENTE MANTEVE ESTANDE DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA 52ª FAPI


MEIO AMBIENTE MANTEVE ESTANDE DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA 52ª FAPI



Animais taxidermizados e material didático ajudaram na divulgação de ações de educação ambiental durante a 52ª FAPI (Feira Agropecuária e Industrial de Ourinhos). Os visitantes da feira conheceram o trabalho de proteção aos animais realizado pela Prefeitura Municipal em parceria com a ADAO (Associação Defensora dos Animais de Ourinhos) e a APASS (Associação Protetora dos Animais Silvestres de Assis).

A Gerência de Proteção ao Animal Silvestre e Doméstico, subordinada a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico Sustentável, atua em conjunto com as entidades na proteção e combate ao abandono e maus tratos contra animais. "Nosso trabalho consiste em apurar denúncias e promover educação ambiental voltada a fauna. Em 2017 surgiu a oportunidade de montarmos um estande na FAPI para divulgação destas ações e o sucesso alcançado surpreendeu, nos motivando a repetir o trabalho este ano", conta o gestor ambiental Ronnie Campos.

"A grande aceitação do público nesta edição da feira confirmou positivamente nossas expectativas. As pessoas que passaram pelo estande queriam saber detalhes sobre os animais taxidermizados, faunas silvestre e doméstica e como denunciar maus tratos", continua.

"É importante lembrar que a legislação municipal é uma ferramenta essencial. Através do Código de Posturas do município de Ourinhos (Lei 863/1967), Lei Complementar 924/2016, que prevê multa de até 100 UVFMs (Unidade de Valor Fiscal do Município), cerca de R$ 9 mil, para quem abandona e/ou maltrata animais, que fundamentamos nosso trabalho. Esta lei complementar recente ajuda muito. As denúncias podem ser feitas de forma anônima no telefone (14) 3302-4100", finaliza.

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.