Geraldo Alckmin: ‘não há hipótese de voltar o imposto sindical’

Geraldo Alckmin: ‘não há hipótese de voltar o imposto sindical’

24 julho, 2018    Poder360.
DCM

Geraldo Alckmin no Roda Viva. Foto: Reprodução

O pré-candidato do PSDB disse, em participação no programa Roda Viva, da TV Cultura, que “não há hipótese” de que ele, se eleito presidente, retome a obrigatoriedade do imposto sindical, que foi extinto com a reforma trabalhista aprovada em 2017.
A declaração reforça o ruído na negociação de apoio do Solidariedade, partido ligado à Força Sindical. Em 20 de julho, 1 dia depois de o Centrão acertar aliança com Alckmin, Alckmin postou em seu Twitter uma mensagem dizendo que “nenhum dos principais pontos da reforma trabalhista” seria revogado e que “não há plano de trazer de volta a contribuição sindical”.
A publicação irritou o presidente do Solidariedade, o deputado Paulinho da Força. O tucano se viu obrigado a pedir desculpas para manter o apoio da legenda. Atribuiu a responsabilidade pela postagem à sua equipe. Mas agora vocalizou ele mesmo que não pretende retomar o imposto.
Ainda no programa, Alckmin anunciou a criação de um “marco regulatório” para reduzir o número de sindicatos. “Quero ficar com os sindicatos que realmente trabalham pela classe dos trabalhadores”, afirmou.
Segundo ele, cabe aos trabalhadores a decisão de pagar ou não a contribuição. Além disso, o candidato disse estudar a hipótese de acabar com o Ministério do Trabalho, mas evitou dar detalhes sobre o assunto.
(…)
DCM

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.