Homens que estupraram menina de 8 anos na Índia são condenados à morte

Homens que estupraram menina de 8 anos na Índia são condenados à morte
METRÓPOLES
DEUTSCHE WELLE   21/08/2018
istock
Sentença é uma das primeiras sob nova lei que permite investigações rápidas em casos de estupro e pena de morte para estupradores infantis


Os acusados do caso de estupro de uma menina de 8 anos de idade na Índia foram condenados à morte. Além da condenação, chama a atenção no caso a velocidade da investigação e julgamento dos réus: todo o processo durou 2 meses, em um país onde esse tipo de ação pode levar anos até ser concluída.
A sentença é uma das primeiras ordenadas sob uma nova lei, que permite investigações rápidas e julgamentos em casos de estupro e penas de morte para estupradores infantis.
A menina esperava seu pai buscá-la na escola quando foi atraída para fora do colégio pelos dois condenados, com idades entre 20 e 24 anos. Segundo a investigação, eles a levaram para um local isolado e a estupraram. Depois, cortaram o pescoço da criança e a deixaram ali para morrer. A vítima foi resgatada e ainda se recupera em um hospital.
Epidemia de estuproO caso estava entre uma série de crimes sexuais violentos contra menores registrados na Índia este ano. Os episódios provocaram protestos em todo o país. A Índia tem um dos maiores números de estupros no mundo. Cerca de 40.000 casos foram registrados no país em 2016 – quase 110 crimes por dia.
Respondendo à indignação nacional, o governo introduziu, em abril, a pena de morte para estupradores de garotas com menos de 12 anos. A nova lei também possibilitou julgamentos mais rápidos para casos de estupro.
Especialistas dizem que, apesar do aumento do número de casos nos últimos anos, a maioria dos estupros ainda não é noticiada, principalmente porque as vítimas temem o estigma ou a retaliação.

METRÓPOLES 

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.