Polícia espanhola apreende leão empalhado à venda na internet



Polícia espanhola apreende leão empalhado à venda na internet

ISTO É
Crédito: Reprodução/ Guarda Civil de Barcelona

Leão empalhado é apreendido pela Guarda Civil (Crédito: Reprodução/ Guarda Civil de Barcelona)

Uma mulher espanhola pode ser condenada por “crime contra a fauna” por tentar vender um leão africano empalhado. As informações são do UOL.

Segundo a Guarda Civil de Barcelona, o felino estava à venda na internet por 5.995 euros, em um portal de venda de objetos.

O animal, da espécie “Panthera leo”, está incluído no anexo B da Cites, a convenção sobre o comércio internacional de espécies da fauna e flora selvagens ameaçadas de extinção.
A vendedora alegou que seu falecido sogro caçou o animal na Namíbia na década de 1990 e o conservou empalhado.
O leão foi entregue ao Museu de Ciências Naturais de Barcelona.
“Precisamos conscientizar as pessoas de que não podem caçar em outro país um animal de uma espécie protegida, depois importá-lo de maneira ilegal e, no fim, tentar lucrar com a comercialização”, disse o agente Miguel Díaz, do Serviço de Proteção da Natureza (Seprona) de Barcelona. “Também apreendemos este ano um crocodilo do Nilo que tentaram vender na internet”, disse.
ISTO É

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.