TCM notifica João Carlos Bacelar por desvio de R$ 65 milhões



TCM notifica João Carlos Bacelar por desvio de R$ 65 milhões
BAHIA.BA

Foto: Roberto Viana/ Ag. Haack/ bahia.ba

O deputado foi acionado para apresentar defesa em 20 dias; montante desviado teria sido de recursos municipais por meio de convênios com a ONG Pierre Bourdieu

O Tribunal de Contas dos Municípios notificou o deputado João Carlos Bacelar, ex- secretário de Educação de Salvador, para apresentar defesa no processo de auditoria que apura desvio de recursos municipais em convênios com a ONG Pierre Bourdieu, no montante de R$ 65 milhões.
O deputado tem 20 dias para apresentar sua defesa. Findo o prazo, o TCM vai julgar o processo.
Além do deputado João Carlos Bacelar, o processo envolve o então reitor da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), Lourivaldo Valentim da Silva, e mais oito gestores públicos – já denunciados pelo Ministério Público Estadual por improbidade administrativa.
BAHIA.BA

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.