Casal de juízes que pediu auxílio-moradia tem mansão de R$ 5,8 milhões

05/09/2018   UM CAOS CHAMADO BRASIL
Casal de juízes que pediu auxílio-moradia tem mansão de R$ 5,8 milhões
BAHIA.BA
Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil

Marcelo e Simone Bretas, responsáveis por casos da Lava Jato no Rio de Janeiro, anunciaram imóvel em junho

O casal de juízes federais Marcelo e Simone Bretas, que entrou na Justiça para garantir o pagamento de auxílio-moradia, colocaram à venda uma mansão de R$ 5,8 milhões, de acordo com reportagem do The Intercept Brasil.
O imóvel tem cinco suítes, lareira, três banheiras de hidromassagem, escadaria em mármore, espaço gourmet, churrasqueira, pomar, jardim, garagem para quatro carros, sauna, um campo de futebol próprio e até uma piscina aquecida que avança pela sala.
Os magistrados responsáveis por julgamentos dos casos da Lava Jato no Rio de Janeiro anunciaram a casa em junho. A mansão é localizada em Itaipava a 80 km do Rio de Janeiro. O imóvel de 600 m² faz parte de um condomínio de luxo. O casal ainda divide áreas de convívio com vizinhos ilustres, como o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF) e o ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto da Costa, um dos delatores condenados na Lava Jato.
O auxílio-moradia permite que magistrados ganhem, cada um, até R$ 4.377,73, caso não tenham um imóvel do Judiciário na cidade onde vivem. Juntos, eles desembolsam R$ 8.755. O salário de Marcelo Bretas, que faz questão de adicionar lições de moral em suas sentenças contra corruptos, é de R$ 43.910,62 mensais, já com o auxílio somado.
Ao ser questionado sobre o auxílio-moradia por um deputado, o juiz respondeu aos seguidores no Twitter que tinha garantido um “direito”. “Pois é, tenho esse ‘estranho’ hábito. Sempre que penso ter direito a algo eu VOU À JUSTIÇA e peço. Talvez devesse ficar chorando num canto, ou pegar escondido ou à força. Mas, como tenho medo de merecer algum castigo, peço na Justiça o meu direito”, escreveu, no dia 29 de janeiro. Depois, a publicação foi apagada.
BAHIA.BA

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.