Homem morre atropelado por Boeing 737 ao fugir de deportação

Homem morre atropelado por Boeing 737 ao fugir de deportação
METRÓPOLES


O piloto da aeronave achou que tinha passado por cima de um animal e prosseguiu com o procedimento de decolagem


Um homem morreu atropelado por um Boeing 737, no aeroporto de Moscou, Rússia, ao tentar fugir de uma deportação. ALbert Yepremyan, 25 anos, foi enviado de Madrid, Espanha, para Armênia, sua terra natal. Na conexão, no entanto, ao desembarcar e pegar o ônibus que o levaria ao terminal, ele saltou na pista e correu.

Na pista, estava uma aeronave que iria de Moscou para Atenas. O piloto sentiu que o avião passou por cima de algo, mas achou que se tratava de um animal. Como não se constatou danos ao Boeing, o procedimento de decolagem continuou normalmente.

Logo depois, as autoridades foram avisadas da fuga e encontraram o corpo do rapaz na pista do aeroporto. Em seguida, os pousos e as decolagens foram suspensas e vários voos foram cancelados.


METRÓPOLES

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.