Receita Federal: EDITAL para Perito abre 126 vagas; Inscrições abrem em janeiro



Receita Federal: EDITAL para Perito abre 126 vagas; Inscrições abrem em janeiro



Interessados poderão se inscrever a partir do mês de janeiro de 2019


Por Saulo Moreira 13/12/2018
NOTÍCIAS CONCURSOS


Receita Federal faz saber aos interessados a abertura de edital de seleção para o preenchimento de nada menos que 126 vagas no cargo de Perito Técnico para prestação de serviço de perícia na identificação e quantificação de mercadorias importadas ou a exportar e para a emissão de laudo pericial sobre o estado e o valor residual de bens, no âmbito da jurisdição da Alfândega. A lotação dos aprovados acontecerá no âmbito da jurisdição da Alfândega do Porto de Santos.
De acordo com o edital publicado, são 43 vagas abertas para área de quantificação de mercadorias a granel sólido, líquido ou gasoso, que serão preenchidas por Engenheiros de qualquer modalidade. Além disso, haverá 83 vagas para a área de identificação de mercadorias que serão preenchidas por Engenheiros e/ou profissionais nas especialidades de Aeronáutico (02  vagas), Agrônomo (02 vagas), Alimentos (02 vagas), Civil (02 vagas), Eletrotécnica (08 vagas), Eletrônico (08 vagas), Especialista em Obras de Arte (02 vagas), Mecânico (30 vagas), Médico (02 vagas), Metalúrgico (07 vagas), Naval (02 vagas), Químico (03 vagas), Segurança do Trabalho (03 vagas) e Têxtil (10 vagas). 
Os aprovados vão atuar em caráter precário e sem vínculo empregatício com a Receita Federal do Brasil, de peritos especializados para prestar serviços no âmbito da Receita. A remuneração pela prestação dos serviços de perícia será efetuada conforme previsão contida no Capítulo IX – Da Remuneração e nas tabelas constantes do Anexo I da IN RFB nº 1800/2018, e ficará a cargo do importador, do exportador, do transportador ou do depositário, conforme o caso.

Inscrição e Etapas Perito Receita Federal

Os interessados em concorrer a uma das vagas poderão se inscrever entre os dias 03 e 15 de janeiro de 2019, das 08h às 18h, no prédio da Alfândega da Receita Federal do Brasil do Porto de Santos, na Praça da República s/n, Centro, Santos/ SP, no térreo, Ala ‘A’, no Centro de Atendimento ao Contribuinte (CAC).
Para conquistar o direito de ser um credenciado da Receita Federal, o candidato passará por:
– Tempo de atuação como perito credenciado pela unidade local;
– Tempo de experiência como empregado ou autônomo na área específica;
– Curso de pós-graduação;
– Lato sensu, na área específica;
– Stricto sensu, na área específica;
– Curso de especialização na área específica com carga horária superior a 60 horas/aula.
De acordo com o edital, o credenciamento resultante desta seleção terá a validade de dois anos, a contar do dia 1º de abril de 2019, prorrogável, a critério do Delegado da ALF/STS, uma única vez, por igual período.
Informações do concurso
  • Concurso: Receita Federal
  • Escolaridade: superior
  • Número de vagas: 126
  • Inscrições: entre 03 e 15 de janeiro de 2019


Concurso da Receita Federal é analisado com 5.000 vagas

Receita Federal encaminhou um novo pedido de realização de concurso público (Concurso Receita Federal 2019). Anteriormente solicitado com 2.153 vagas, agora o pedido conta com nada menos que 5 mil vagas. A informação veio depois de uma reunião realizada em Brasília-DF entre o Sindicato Nacional dos Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil (SindiReceita) e gestores do Ministério do Planejamento.

Pelo Ministério do Planejamento participaram da reunião o diretor do Departamento de Relações de Trabalho no Serviço Público (Deret/SGP), Paulo de Tarso Cancela Campolina de Oliveira; coordenador-geral de Negociação Sindical no Serviço Público, José Borges de Carvalho Filho; João Gabriel Ribeiro Lemos, chefe da Divisão de Estudos Normativos em Relações de Trabalho; Fremy de Souza e Silva, coordenador-geral do Departamento de Relações de Trabalho no Serviço Público.
Na ocasião, o diretor do DERET reconheceu o déficit de servidores e afirmou que o encaminhamento é para avaliação do quantitativo que deverá ser aberto na Carreira. “Agenda de concurso é agenda de ministros. A diretriz inicial do MPDG é pela não abertura de concursos, mas havendo possibilidade de abertura de vagas, cada ministério irá apresentar sua demanda e as possíveis vagas serão divididas entre os ministérios/órgãos”, disse.
Solicitação de vagas
Quanto ao quantitativo inicialmente solicitado pela Receita Federal para o cargo de Analista-Tributário, Paulo de Tarso informou que foram contabilizadas 1.453 vagas para preenchimento emergencial no exercício de 2018 (com pedido solicitado em 2017), mas houve acréscimo de 1.547 vagas. Com isso, 3.000 vagas foram solicitadas para o cargo de Analista-Tributário da Receita Federal, considerando o primeiro e segundo pedidos quando foi repactuado o quantitativo ideal, enquanto para o cargo de Auditor-Fiscal foi solicitado 2.000 vagas no total.
Para os cargos de analista e auditor os interessados deverão ter nível superior em qualquer área, para fazerem jus a salários de R$ 11.132,21 e R$ 19.669,01, respectivamente. O regime estatutário, que garante estabilidade, e as remunerações informadas já incluem o auxílio-alimentação, de R$458, faz o concurso ainda mais atraente, com tendência a ser bastante concorrido.

Prepare-se: Apostila Concurso Receita Federal 2018 – Atualizada

O Projeto de Lei (PL) 5.564/2016, que prevê aumento salarial para Receita Federal do Brasil, foi sancionado pelo governo. O reajuste será feito para os cargos de Auditor-Fiscal e Analista Tributário de maneira escalonada até 2019. Veja:
Analista em 2017, 2018 e 2019, respectivamente: R$ 11.132,21; R$ 11.639,24; e R$ 12.142,39; e
Auditor em 2017, 2018 e 2019, respectivamente:R$ 19.669,01; R$ 20.581,53; e R$ 21.487,09.
Um dos argumentos utilizados pelo órgão é o potencial de arrecadação que um servidor pode obter. De acordo com estudos realizados pela própria receita, cada Auditor da Receita lançou em média o valor 52,9 milhões de reais no ano de 2015. O aumento no quadro de servidores irá, por consequência, potencializar a elevação da arrecadação federal.

NOTÍCIAS CONCURSOS

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.