Ministro do Meio Ambiente quer liberar ferrovia em áreas protegidas



08/01/2019
Ministro do Meio Ambiente quer liberar ferrovia em áreas protegidas
BAHIA.BA

Foto: Adriano Machado/Reuters

Novo titular da pasta também afirmou que o Brasil não vai se comprometer com novas metas de redução de carbono

Em sua primeira entrevista exclusiva após tomar posse como ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles disse ao Globo que durante sua gestão o Brasil não irá se comprometer com novas metas de redução de emissões junto à ONU (Organização das Nações Unidas).
Para ele, o país é “credor” e já fez além do seu dever de casa nessa área, então agora seria o momento de cobrar a fatura dos países ricos para receber recursos pelo que já fez.
O ministro pensa em rever a classificação de Unidades de Conservação para permitir alguns tipos de atividade econômica, como a passagem de linhas de trem e a instalação de linhas de transmissão onde hoje é proibido.
Salles também critica a atual política do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis), cuja presidente se demitiu na segunda-feira (7) após rebater insinuações de irregularidades feitas por Salles em um contrato na locação de caminhonetes, e pede bom senso dos fiscais ambientais em relação a produtores rurais suspeitos de crimes ambientais, dizendo que eles não são “nem anjos, nem bandidos”.
BAHIA.BA

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.