MPF denuncia Temer e Moreira por supostos desvios na Eletronuclear

MPF denuncia Temer e Moreira por supostos desvios na Eletronuclear
Alexandre Gimenez, do UOL

A força-tarefa da Operação Lava Jato no MPF-RJ (Ministério Público Federal do Rio de Janeiro) ofereceu hoje duas denúncias contra o ex-presidente Michel Temer (MDB) e outros investigados pelo esquema de corrupção envolvendo a Eletronuclear e as obras na usina nuclear de Angra 3.

A primeira denúncia é pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro e inclui, entre outros denunciados, o ex-ministro Moreira Franco (MDB). Já a segunda é pelos crimes de lavagem e peculato (desvio de dinheiro ou recursos públicos em benefício próprio).

Os procuradores sugeriram que o contato entre Temer e Moreira no dia da prisão de ambos pode indicar vazamento da operação Descontaminação, na semana passada.

O bloqueio de bens ordenado pelo juiz Marcelo Bretas, da 7.ª Vara Federal do Rio, alcançou também os carros de Temer, de Moreira Franco (Minas Gerais), do coronel Lima e outros investigados. O magistrado havia determinado um confisco total de R$ 62.595.537,32 do ex-presidente.
UOL

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.