Dodge enfrenta STF e diz que arquivou inquérito sobre fake news

Dodge enfrenta STF e diz que arquivou inquérito sobre fake news
Alexandre Gimenez, do UOL
A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, enviou ofício nesta terça ao ministro Alexandre de Moraes, do STF, afirmando ter arquivado o inquérito aberto em março pelo presidente da corte, Dias Toffoli, para apurar fake news, ameaças e ofensas aos ministros.

A ação de Dodge, porém, deve ser ignorada pelo STF.
Pela manhã foi realizada operação de busca e apreensão em dez endereços ligados ao inquérito sobre as fake-news. Entre eles estava o general Paulo Chagas. "Não ameacei, alertei o STF", disse o militar.

Já o ministro Marco Aurélio Mello disse que houve censura na decisão do colega Alexandre de Moraes de determinar à revista digital Crusoé e ao site O Antagonista a remoção da reportagem "O amigo do amigo do meu pai", que menciona o presidente da Corte, ministro Dias Toffoli. Para Marco Aurélio, o episódio marca um "retrocesso em termos democráticos".

UOL

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.