Prefeitura de Ourinhos fecha parceria com entidades assistenciais na venda do Yakissoba da FAPI


FUNDO SOCIAL AMPLIA AÇÕES
         
Prefeitura de Ourinhos fecha parceria com entidades assistenciais na venda do Yakissoba da FAPI




         A Prefeitura de Ourinhos, por meio do Fundo Social de Solidariedade, firmou parceria com as entidades assistenciais do município na venda antecipada do Yakissoba da 53ª FAPI (Feira Agropecuária e Industrial) de Ourinhos. Em reunião realizada na tarde de segunda-feira (22), no gabinete do Prefeito Lucas Pocay, foi definido que 60% das vendas serão repassados para seis organizações. O objetivo é incrementar o trabalho social promovido no município, além de aumentar a participação das entidades no evento.
         Participaram do encontro o Prefeito Lucas Pocay, a Primeira Dama e Presidente do Fundo Social, Clara Pocay, e os representantes da APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), Recco (Rede de Combate ao Câncer de Ourinhos), AADF (Associação de Assistência ao Deficiente Físico), Giaaro/Casa Arco Íris (Grupo de Incentivo e Apoio a Adoção da Região de Ourinhos), ADO (Associação dos Diabéticos de Ourinhos) e Roupeiro Infantil Laura Vicuña.
         “Nestes últimos anos, nós temos estudado maneiras de ampliar a parceria com essas entidades. Através desta proposta de repassar parte das vendas, acreditamos que elas serão reinseridas em um evento que traz visibilidade, já que recebe visitantes de toda a região. Além disso há o cunho social, já que o valor será revertido para a finalidade de cada entidade”, diz Clara Pocay.
         A expectativa é que sejam vendidos em torno de quatro mil yakissobas durante a feira este ano. “Inclusive as pessoas podem ajudar as entidades que estiverem vendendo, procurando os representantes de cada uma para comprar o vale yakissoba diretamente deles.”
         O presidente da RECCO (Rede de Combate ao Câncer de Ourinhos), Edvan Gonzaga, elogiou a iniciativa da prefeitura.
         “É um grande começo, uma vez que todas as entidades dependem da contribuição. Com essa inovação no sistema de venda do yakissoba da Fapi, a gente consegue uma verba maior para atender os pacientes que dependem do nosso trabalho.”
         A tesoureira da Associação Roupeiro Infantil Laura Vicunã, Elenice Benatti Pereira Bolsas, considerou a proposta um avanço. “Toda iniciativa que visa o bem coletivo é bem vinda. Achei louvável convidar as entidades para estarem envolvidas neste projeto já tradicional na cidade, afinal todas seguem trabalhando por um bem comum, que é ajudar ao próximo. Se o trabalho for em equipe, melhor ainda. A Prefeitura está de parabéns.”

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.