CNH mais barata vai valer para processos em andamento

CNH mais barata vai valer para processos em andamento
GAÚCHAZH

Resultado de imagem para CNH mais barata vai valer para processos em andamento
Até então, redução no valor da primeira habilitação seria para os novos alunos
09/08/2019

redução de 14% no valor da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), que entra em vigor no dia 16 de setembro, vai contemplar também os processos em andamento. Até então, o entendimento do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) era de que apenas novos alunos seriam beneficiados com a mudança. A deliberação foi anunciada na quarta-feira (7), durante reunião de representantes dos Departamentos Estaduais de Trânsito (Detrans), em São Paulo. Com isso, candidatos em busca da primeira habilitação que não finalizarem o processo até a data  terão os valores recalculados de acordo com as aulas restantes.
— Isso significa que os candidatos não precisam esperar até setembro para abrir o serviço de primeira habilitação ou adição de categoria B. Podem começar o processo antes e, quando chegar no dia 16, o sistema vai recalcular o número de horas faltantes já segundo o novo regramento — explica o chefe da Divisão de Habilitação do Detran/RS, Jonas Bays.
Em junho, o Contran anunciou a redução de 25 para 20 horas a quantidade de aulas práticas obrigatórias para fazer a CNH. Na mesma resolução, o órgão determinou que o uso do simulador nas aulas de direção é facultativo. As duas medidas farão com que o valor pago pelo documento caia de R$ 2.270,76 para R$ 1.954,91 – redução de quase 14%.
Mesmo para o aspirante a motorista que decidir fazer cinco aulas no simulador, o preço da CNH continuará menor: sairá por R$ 1.965,76. O Detran esclarece, porém, que o valor leva em conta a aprovação do candidato na prova prática. Há situações em que o próprio aluno decide fazer mais aulas antes do teste para chegar mais seguro ao exame.

GAÚCHAZH

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.